ramsomware-logo-logo-logo

Não é nenhuma surpresa que o número de ataques de ransomwares esteja crescendo cada vez mais, já que seu proposito é ganhar dinheiro. Se você não sabe muito bem o que são os ransomwares, isso não é nada bom, pois é importante que você conheça bem esse Malware, para não se tornar mais uma vítima.

De modo resumido, ransomware é um tipo de malware que restringe o acesso ao sistema infectado e cobra um valor de “resgate” para que o acesso possa ser restabelecido, o modelo de monetarização direta dos ransomwares é interessante para os cibercriminosos e o retorno é relativamente seguro já que demanda baixas quantias de cada vítima, eles atacam usuários de PCs, Macs, dispositivos mobile e instituições, ou seja, todo mundo.

No primeiro quadrimestre de 2016, softwares da Kaspersky Lab bloquearam ataques de crypto-ransomwares em 35 mil dispositivos e detectaram quase 4 mil Trojans de ransomware mobile.

Os celulares também são suscetíveis a ransomwares, o risco ao redor de dispositivos móveis pode ser ainda maior dada a quantidade de informações pessoais, aplicativos financeiros e memórias digitais neles armazenados

Para diminuir o risco de infecção , procure fazer backups de seus dados regularmente, pois no caso de um ataque de ransomware, você pode simplesmente reinstalar o sistema operacional e recuperar os arquivos das cópias de backup, é importante também fazer backup não só na nuvem, mas em uma mídia física como HD externo, pendrive, entre outros, tenha mais cuidado ao abrir anexo de e-mails suspeitos, mesmo que o link ou e-mail tenha vindo de algum conhecido, tenha sempre cuidado.

Procure sempre instalar as atualizações dos seus programas, além de atualizar a interface do programa ou alguma funcionalidade importante, essas patches tendem a corrigir vulnerabilidades conhecidas, negligenciar pode resultar em uma brecha para hackers que procuram explorar esse tipo de vulnerabilidade.

Caso seja infectado, o aconselhável é que não pague o resgate, pois existem diversas ferramentas por ai que podem ajudá-lo a desencriptar certas variantes de ransomware, a Kaspersky Lab sugere algumas ferramentas úteis e gratuitas para usuários vítimas de algumas campanhas, como CoinVault, Bitcryptor, e CryptXXX.

Fonte: Blog Kaspersky Brasil

 

Publicado por Ascom

Assessoria de comunicação da empresa VirtualLink.