TABELaaa-FICADICA

Não para de surgir variações do ransomware pelo mundo todo, e o número de ataque continua crescendo de forma preocupante. O Ransomware é um tipo de malware que restringe o acesso ao sistema infectado e cobra um valor de “resgate” para que o acesso possa ser restabelecido, e mesmo se você fizer isso, não há garantia de que consiga seus dados de volta.

Separamos algumas dicas para que você possa diminuir seus riscos de infecção:

Faça Backup: Procure fazer backups dos seus dados regularmente, caso seja infectado, você pode simplesmente reinstalar o sistema operacional e recuperar os arquivos das cópias de backup, é importante também fazer backup não só na nuvem, mas em uma mídia física como HD externo, pendrive, entre outros.

Atualize seus programas: Procure sempre instalar as atualizações dos seus programas, além de atualizar a interface do programa ou alguma funcionalidade importante, essas patches tendem a corrigir vulnerabilidades conhecidas, negligenciar pode resultar em uma brecha para hackers que procuram explorar esse tipo de vulnerabilidade.

Caso seja infectado: o aconselhável é que não pague o resgate, pois existem diversas ferramentas por ai que podem ajudá-lo a desencriptar certas variantes de ransomware, a Kaspersky Lab sugere algumas ferramentas úteis e gratuitas para os usuários.

Criamos uma tabela para ajudá-lo a identificar o tipo de ransomware, sua extensão e a ferramenta certa para combatê-los. Confira:

banner-ransomware-tabela

 A Kaspersky disponibiliza essas ferramentas: clique aqui

Antes de baixar e iniciar a solução, leia o guia de como fazer e certifique-se de remover o malware em primeiro lugar. O ransomware possui muitas variantes, fique atento a esse detalhe, para poder saber a melhor forma de combater essa praga virtual, caso contrário, ele irá repetidamente bloquear seu sistema ou criptografar seus arquivos.

Publicado por Ascom

Assessoria de comunicação da empresa VirtualLink.