ubuntu paramount

 

Um fato curioso e injusto aconteceu recentemente com o Ubuntu. Como sabemos, as grandes empresas de cinema vivem em guerra contra a pirataria e uma das ações que os estúdios costumam fazer é denunciar links piratas para a Google, mas parece que nem sempre o negócio é funciona como deveria.

A Paramount, e outras empresas do mesmo setor, costumam enviar mensalmente para a Google imensas listas de “conteúdo protegido” que são, segundo elas, pirateados pelas pessoas e devem ser removidos, como a Google declarou guerra contra a pirataria há muito tempo, muito destes pedidos são atendidos.

O grande problema mora nos “bots” que fazem essas buscas, certamente não há pessoas (de verdade) que buscam links por links na internet atrás de conteúdo pirata da Paramount e aparentemente também não existem pessoas analisando as denúncias feitas à Google manualmente, é compreensível, dada a imensa quantidade de dados, mas não deixa de ser preocupante, pois erros podem acontecer e muitas vezes podem prejudicar conteúdos que não tem relação alguma com a denúncia.

Tudo bem que o link não chega a fazer muita falta, afinal, existem vários outros por aí, mas o link de torrent do Ubuntu 12.04.2 LTS de 32 bits foi removido como sendo uma cópia ilegal do filme “Transformers: Age of Extinction”, o que obviamente não faz o menor sentido.

Isso levanta um ponto importante, não só para o caso em questão mas para outros. A Google e o Facebook também, são duas das empresas que possuem uma maior quantidade de clientes de seus produtos e isso certamente é algo complicado de se lidar, para ajudar a trabalhar com tantas solicitações diferentes as companhias criaram algoritmos que analisam automaticamente todo o tipo de denúncia e eventualmente acabam tomando decisões baseadas nisso, entretanto, muitos casos exigem uma análise mais pessoal para que uma decisão acertada seja tomada.

Publicado por Ascom

Assessoria de comunicação da empresa VirtualLink.