laptop-handcuffs

Imagem: reprodução

Grande parte dos crimes cibernéticos cometidos no Brasil envolvem parentes, amigos ou conhecidos. É isso o que indica um estudo divulgado pela Microsoft, que mostra que muitas vezes o perigo está bem próximo.

Em um estudo realizado pelo Telecommunications Research Group para a Microsoft, 11.600 pessoas de 23 países diferentes foram entrevistadas para análise de comportamento de risco online. O Brasil ficou em 13º entre os países mais expostos a essas ameaças, e 30% dos casos ocorridos no país envolviam pessoas com contato próximo à vítima.

A maior parte das vítimas de crimes virtuais no Brasil sofreu de algum tipo de solicitação envolvendo sexo, mas fraudes em geral também são relativamente comuns. Abaixo estão os cinco maiores riscos online para os brasileiros:

  1. Contatos indesejados (51%)
  2. Solicitações sexuais (23%)
  3. Fraudes (21%)
  4. Recebimento de mensagens sexuais indesejadas (21%)
  5. Assédio online (não sexual) (20%)

O infográfico abaixo, produzido pela Microsoft, oferece mais alguns dados do estudo:

 
20180208101459

 

Publicado por Ascom

Assessoria de comunicação da empresa VirtualLink.