hp-health-2Imagem: divulgação/HP

Alguns profissionais, como editores de vídeo e pesquisadores de inteligência artificial, precisam de PCs com configurações específicas para o seu trabalho. É o caso também de pessoas que trabalham em hospitais, por mais que não pensemos muito nisso, mas é especialmente para essas pessoas que a HP anunciou ontem uma linha de computadores resistentes a germicidas.

Um notebook, um monitor e um PC all-in-one compõem a nova linha. O notebook, chamado EliteBook 840 HealthCare Edition, permite que o seu teclado, touchpad e tela sensível a toque sejam temporariamente desativados para que ele possa ser limpado com germicidas sem colocar em risco os componentes eletrônicos. O material do qual ele é feito também o torna mais resistente à deterioração por exposição a produtos de limpeza desse tipo.

Fora isso, o touchpad dele também é configurado para detectar toques mesmo de pessoas que estejam usando luvas cirúrgicas. Isso facilita a vida dos médicos, que não precisam ficar colocando e descartando luvas cada vez que precisam ver algo no PC. Tanto o notebook quanto o all-in-one têm duas maneiras especiais de fazer login: um sensor de impressões digitais e um leitor de RFID que permite que o profissional acesse a máquina usando o próprio crachá, por exemplo.

Essa última medida é importante por dois motivos: primeiro porque quando um PC é usado por várias pessoas, é possível que uma delas suje o leitor biométrico da máquina e, com isso, acabe sujando também as mãos de todas as outras pessoas que usarem o PC. Isso acaba sendo um fator que facilita a ocorrência de infecções hospitalares – por isso, usar o crachá pode ser a melhor opção.

Mas além disso, os dados gerenciados em hospitais são extremamente sensíveis. Afinal, são informações extremamente pessoais dos pacientes. Por isso, hospitais têm uma preocupação grave com segurança da informação que a autenticação por RFID pode auxiliar. Também por isso, o notebook vem com um controlador de segurança fisicamente isolado do resto da máquina e uma tela “anti-bisbilhoteiros” que, segundo o The Verge, não pode ser lida de ângulos laterais.

 

HP_EliteOne_800_G4_23Imagem: divulgação/HP

 O monitor HC270cr CLinical Review Display, de 27 polegadas, é o último produto da linha. Segundo a HP, ele se adequa às especificações DICOM-14 de visualização de imagens médicas, o que o torna particularmente adequado para visualizar exames como raios-X ou tomografias.

Todas essas medidas especiais, de acordo com a HP, não são exagero. Segundo o centro de controle e prevenção de doenças dos EUA (pdf), mais de 1,7 milhão de infecções hospitalares são causadas, por ano, por descuido dos agentes de saúde só nos Estados Unidos. E quanto à segurança da informação, em 2016 mais de 16 milhões de dados de prontuários foram expostos a pessoas não autorizadas nos EUA, gerando um custo de US$ 355 por prontuário no país.

Segundo a HP, o notebook deverá ser lançado em maio, enquanto o all-in-one e o monitor serão lançados em junho. A empresa ainda não deu mais detalhes sobre as configurações dos dispositivos, embora a presença de sensor biométrico indica que eles terão processadores Intel Core de 7ª geração ou posterior. Por enquanto, também não há informações sobre seu preço.

Publicado por Ascom

Assessoria de comunicação da empresa VirtualLink.